Aos pés de Jesus


Maria de Betânia destaca-se entre as primeiras mulheres da era cristã como alguém que buscou "estudar teologia" aos pés de Jesus. Lucas registrou, intencionalmente, que Maria se sentou aos pés de Jesus e enviou suas palavras, numa época em que era fora dos padrões uma mulher ser ensinada, principalmente por um rabino respeitado. Quando Maria foi criticada, o próprio Senhor Jesus a elogiou, dizendo que ela havia escolhido a "boa parte". (Lc 10: 38-42)

A mulher não precisa se matricular em um seminário para sentar-se aos pés de Jesus e ouvir a sua Palavra, mas a educação teológica formal, que proporciona estudo sistemático da natureza de Deus e do modo como ele se relaciona conosco, pode ajudá-la a aperfeiçoar e ampliar seu ministério. 

Quando o Senhor chama uma mulher para trabalhar na obra, ela deve dedicar-se ao seu treinamento com o mesmo afinco com que se dedicaria a qualquer outra vocação, pois não podemos oferecer ao ministério cristão menos do que daríamos a outra profissão. Quando nos esforçamos para alcançar integridade intelectual e excelência acadêmica, com o coração inteiramente dedicado ao Senhor, Deus é glorificado, e este é o objetivo principal do ensino teológico. 

(Bíblia da Mulher, Editora Mundo Cristão)

Suflê de Chocolate

Receita de suflê de chocolate.  Algumas dicas podem salvar o seu suflê da queda. Confira aqui como fazer esta sobremesa clássica que nunca sai de moda.:

Ingredientes
180 g de chocolate meio amargo 
4 colheres (sopa) de licor (de sua preferência), café forte ou água
4 colheres (sopa) de manteiga 
1/4 de xícara (chá) de açúcar 
3 gemas 
5 claras 
manteiga e açúcar cristal para untar e polvilhar

Modo de Preparo
1. Preaqueça o forno a 190 ºC (temperatura média). 

2. Com um pincel (ou papel-toalha), unte com manteiga a lateral interna de cinco ramequins individuais (ou outra tigelinha refratária de borda alta) e polvilhe com açúcar cristal. Se preferir, use apenas um refratário grande de borda alta. Leve ao congelador. 

3. Sobre uma tábua, pique o chocolate. 

4. Transfira o chocolate picado para uma tigela refratária e junte o licor. Derreta o chocolate no micro-ondas ou, se preferir, em banho-maria, mexendo sempre. Para fazer o banho-maria, leve uma panelinha com um pouco de água ao fogo médio. Quando ferver, desligue e encaixe a tigela refratária com chocolate. A água não deve encostar no fundo da tigela, pois o calor do vapor é suficiente para derreter o chocolate. Assim que derreter, retire a tigela da panela, com cuidado para não se queimar. 

5. Retire o chocolate do micro-ondas ou do banho-maria, adicione a manteiga e misture bem.

6. Leve um pouco de água para ferver, pois o suflê será assado em banho-maria. Ou seja, os ramequins vão para uma fôrma com água quente e a fôrma, para o forno.

7. Na batedeira, bata o açúcar e as gemas até obter um creme branco e homogêneo. Junte essa gemada ao chocolate e misture bem com um batedor de arame.

8. Lave e seque muito bem a tigela e as pás da batedeira para bater as claras em neve. Atenção para o ponto: se as claras ficarem muito firmes, o suflê vai ressecar. Comece batendo em velocidade baixa e, quando espumar, aumente para média. Assim que as bolhas de ar próximas da parede da tigela sumirem e as claras ficarem marcadas pelo batedor, está pronto. 

9. Na tigela com o creme de chocolate, adicione 1/3 das claras em neve e misture rapidamente. Incorpore o restante das claras e mexa delicadamente, fazendo movimentos de baixo para cima. Mas atenção! Este passo deve ser feito sem demora para que as claras não murchem antes mesmo do suflê sair do forno.

10. Preencha o ramequim com a massa de suflê até escorrer. Nivele passando uma faca (com o corte para cima) para retirar o excesso. Passe a ponta do dedo polegar por toda a borda interna para retirar um pouquinho mais de massa - isso ajuda o suflê a crescer retinho. Repita com os outros ramequins.

11. Coloque os ramequins na assadeira, leve ao forno preaquecido, e regue a assadeira com a água fervente, sem deixar respingar na massa de suflê. A água deve, no máximo, preencher a assadeira até a metade. Feche o forno e deixe assar por 15 minutos. Caso esteja usando um único recipiente grande, deixe assar por 30 a 35 minutos. Retire do forno e sirva imediatamente. Na hora de comer, faça um buraco no centro do suflê e regue com creme de leite fresco a gosto ou coloque uma colherada do seu sorvete favorito.


E-book "desafio Mulher Virtuosa" grátis

A paz do Senhor Jesus minha amada Mulher Virtuosa!
Para quem vem acompanhando o blog e as newsletters, sabe que desde dezembro de 2014 disponibilizei gratuitamente um e-book com 21 carpítulos sobre a Mulher Virtuosa de Provérbios 31.

Para honra e glória do Senhor, tenho recebido vários e-mails das leitoras contando sua experiência com o livro e como Deus tem mudado suas vidas através dele. Glorifico o nome do Senhor pelo privilégio de ser instrumento e ter escrito este livro digital. Pois através da internet, tenho a possibilidade de distribuí-lo em grande escala.

Para facilitar ainda mais que este presente de Deus chegue nas mãos de mulheres que desejam conhecer mais sobre a Mulher Virtuosa e se comportar como ela, estou disponibilizando aqui mesmo no site. Basta fazer a inscrição abaixo e você receberá o link em seu e-mail para fazer o download e aproveitar. Após fazer a inscrição, verifique após alguns minutos, na caixa de entrada, um e-mail com meu nome: Carlucia Oliveira. Se não encontrar, procure na caixa de Spam. Aproveite e adicione-me aos seus contatos. Assim, você garantirá o recebimento dos informativos.

Compartilhe esta bênção com suas amigas e as irmãs de sua igreja!
Inscreva-se para receber em seu e-mail o link para fazer download do e-book "Desafio Mulher Virtuosa"

Como ajudar na aprendizagem do seu filho - parte 4



Graça e paz Mulher Virtuosa!
Este é o 4º e último post falando sobre "como ajudar na aprendizagem do seu filho" Leia os primeiros artigos sobre o assunto: Parte 1 - Parte 2 - Parte 3

Incentive a escrita


Criar o hábito de escrever é tão importanto quanto ser um leitor dedicado 

  • Peça ajuda para fazer a lista do supermercado e para escrever bilhetes para os amigos e parentes. Com o tempo, peça para que ele mesmo escreva.
  • Monte uma agenda telefônica. Ela mostra, claramente, o que é texto e o que é número, com a função de cada um deles.
  • Faça os convites de aniversário com seu filho desde o primeiro ano, mostrando onde colocar o nome dele, o nome do convidado, o local, a hora, a data. Faça isso até chegar a vez em que ele próprio escreverá sozinho, com a letrinha dele.
  • Escreva cartões de presentes ou de agradecimento com ele.
  • Crie um álbum fotog´rafico no computador ou no papel e escreva as legendas com ele.
  • Jpgue forca, caça-palavras e outras brincadeiras que façam seu filho escrever.
  • Faça um diário de férias com seu filho, desenhando os passeios realizados e anotando uma ou duas palavras.
  • Estimule seu filho a copiar as letras de músicas que ele mais gosta.
  • Crie brincadeiras com placas de trânsito, lugares, passeios, panfletos e faixas.

Não pressione, estimule!!!

Sabe o que mais pode ajudar na alfabetização de seu filho?

Compreender o ritmo dele



  • Seu filho está com dificuldades em se alfabetizar, o melhor a fazer é estimulá-lo, e não pressioná-lo.
  • Começar a ler e a escrever mais tarde não é sempre sinal de problema de aprendizagem ou falta de inteligência. Converse com o professor para saber o ritmo de seu filho.
  • Cada criança tem um nível de maturidade. Não se afobe.
  • Não fique apontando o erro toda hora, ou seu filho poderá ficar inibido. Os erros fazem parte do processo.
  • Tire as dúvidas de seu filho quando ele perguntar como se escreve uma palavra. Se não souber, olhem juntos no dicionário.
  • Garrancho não é problema. O importante é que a letra seja legível e ele saiba o que está escrevendo. Deixe-o rabiscar à vontade.
  • Valorize os acertos e mostre a ele, sem o repreender, quando estiver errado.
Amadas, não aditanta apenas orar. Temos que aprender técnicas educacionais para que possamos estar preparadas para cuidar e orientar nossas crianças. Quanto à aplicação da Palavra de Deus, neste post (que adaptei técnicas de um movimento educacional), podemos inserir o costume de pedir para a criança copiar um pequeno versículo bíblico por dia, por exemplo.

Importante


Estabeleça um horário de estudo para o seu filho. Isso fará com que ele crie o hábito de estudar todos os dias.

E você, Virtuosa, como tem feito para melhorar os estudos de seu filho(a)? Conte aqui! Deixe seu comentário!

Como ajudar na aprendizagem do seu filho - parte 3


Graça e paz Mulher Virtuosa,
Este é o meu terceiro post da série "Como ajudar na aprendizagem do seu filho". Neste, falarei sobre como despertar o interesse para que ela leia mais. 

Incentive a leitura

Quem lê sempre tem mais criatividade, conhecimento e vocabulário.

  • Quanto mais cedo seu filho tiver contato com a leitura, melhor. Mesmo que ele ainda não saiba ler, peça que ele faça tarefas que necessitem de leitura.
  • Canções, poesias e cantias infantis são úteis para se chegar à incrível mágica de fazer a criança ler, sem saber ler. Quando ela decora uma música, pode tentar acompanhar com o dedinho a letra da canção enquanto canta.
  • Chame seu filho para ver uma revista com você.
  • Leia livros com seu filho, mesmo antes dele estar plenamente alfabetizado. Escolha histórias envolventes, que prendam a atenção.
  • Dê livros ou revistas simples para que ele comece a ver e ler sozinho
  • Deixe os livros em local de fácil acesso, para que seu filho comece a folhear e a inventar histórias, quando quiser
  • Leia para o seu filho desde bebê, com entonação e emoção
  • Leia, mais de uma vez, a mesma história para o seu filho. Isso é importante para a criança começar a recontar aquela história depos, no papel de leitora, passando as páginas do livro corrretamente
  • Faça da leitura um momento de prazer
Assim como nos posts anteriores desta série, estou adaptando aqui meu ponto de vista. Estes textos tem sido tirado de um movimento chamado Educar para Crescer. E nós, mães cristãs sabemos a necessidade de acrescentar neste incentivo à leitura, a Palavra de Deus. Não deixe de utilizar as histórias infantis pois elas incentivam o mundo maravilhoso e particular dos nossos pequenos, mas procure introduzir em meio a leitura pequenos versículos para que eles se acostumem à leitura da Bíblia.
No próximo post, falarei sobre como incentivar a escrita.
Grande abraço!

Fonte de pesquisa:
Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro,
Movimento Educar para Crescer